26 de ago de 2014

Porque os Príncipes só casam com as Princesas?

Estive “revisando” os contos infantis e notei que por mais que o príncipe encontre a linda garota dos seus sonhos e se apaixonem e saiba que ela é mulher da sua vida, só fica com a sua alma gêmea quando a mesma se torna de fato princesa, com título de realeza provado e comprovado.
A história se repete, o casamento só se realiza e o felizes para sempre só é dito quando por alguma obra de magia, milagre, descoberta do passado ou alguma graça da fada madrinha a alma gêmea se torna princesa de coroa, cetro e hereditariedade, mas antes disso, apesar de todo amor, reza a lenda que ela tem que virar princesa ou a união será impossível, pois ele é um príncipe que deve preservar a “honra do sangue real”.

Alguém sabe de algum conto onde o príncipe se casa com a mulher antes de ela virar princesa? Se souberem me contem, pois eu não me lembro de nenhum...
Na vida real é assim também? Se for, a coisa fica mega complicada, pois não tem fada madrinha, não tem mágica e ninguém descobre que é uma princesa esquecida da noite para o dia.


Eu queria saber por que o príncipe não pode ficar com mulher de sua vida mesmo que ela não se torne princesa de fato. Ou porque a princesa não pode amar o plebeu sem que ele tenha que provar com diversas provas e atos de bravuras impossíveis que é digno de ser um príncipe ou que vire um, também com algum recurso mágico? Porque não ficarem juntos simplesmente por amor?


Saindo dos contos de fadas, nem precisa ser um príncipe montado no seu cavalo branco com sua espada em punho pronto para salvar, aliás, nem precisa salvar!! Mas que me aceite e respeite a pessoa como ela é, toda a bagagem. Ninguém deveria arvorar o direito de mudar outrem.


E se ele for um príncipe ou se ela for uma princesa... e se o outro for plebeu, não poderiam ser simplesmente serem dois que se amam?
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :